Formação em Alfabetização Ambiental

Cajati-SP

ALFABETIZAÇÃO AMBIENTAL PARA EDUCADORES DA REDE PÚBLICA DE ENSINO DE CAJATI/SP

Foto dos alunos e professores

A Preservalle Soluções Ambientais Inteligentes, elaborou e executou dentro do Projeto Socioambiental que está sendo realizado à serviço da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo — SABESP, a Formação Contínua em Educação Ambiental, carinhosamente chamada de “Alfabetização Ambiental”, junto a mais de 230 professores e coordenadores da rede pública de ensino.

Toda essa riqueza biodiversa que o “Vale das Oportunidades” possui possibilitou a criação de uma matriz curricular, com 40 horas, que trouxe informações, discussões, conhecimento e pertencimento, com informações sobre o território, onde foram aplicadas as seguintes aulas:

  • AULA 1 - MARÇO: FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL
  • AULA 2 - ABRIL: AGENDA 2030 E SEU USO PARA A MELHORIA DO ENSINO
  • AULA 3 - MAIO: GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS
  • AULA 4 - JUNHO: SANEAMENTO BÁSICO (RESUMO GERAL)
  • AULA 5 - JULHO: MUDANÇAS CLIMÁTICAS

Todas as aulas foram realizadas em caráter presencial, com atividades complementares realizadas pelo google workplace, permitindo a extração de depoimentos, sentimentos e pensamentos de todos os participantes quanto aos assuntos abordados.

Mapa do Vale do Ribeira

O conteúdo abordado na formação foi elaborado de forma a trazer informações pertinentes ao Vale do Ribeira e ao município de Cajati, especialmente, quanto aos seus recursos naturais, história e economia. A região do Vale do Ribeira é considerada a maior e mais preservada reserva do Bioma Mata Atlântica do mundo — Patrimônio Natural, Socioambiental e Cultural da Humanidade — título conferido em 1999 pela UNESCO.

Professor entregando camiseta à aluna

Também foram distribuídas camisetas ecológicas, uma para cada professor participante, sendo que cada peça gerou a reciclagem de 2 garrafas PET em sua confecção, pois o tecido é composto por 50% algodão e 50% poliéster reciclado do PET.

Sala de aula com alunos sendados assistindo à aula

O Projeto Socioambiental segue um Plano de Trabalho construído com a participação da equipe gestora de educação de Cajati, e essa foi a estratégia para poder elaborar uma matriz curricular que pudesse ir de encontro com os anseios e necessidades dos professores: APRENDER E ENSINAR FALANDO DA CIDADE.

Objetivos Gerais

Realização de ações de educação ambiental e mobilização social, enfocando especialmente, em saneamento ambiental, uso adequado do sistema de saneamento coletivo e individual, qualidade de vida e qualidade dos recursos hídricos, em parceria com a Prefeitura de Cajati, em benefício dos professores e alunos da rede municipal de ensino.

Alunos atentos assistindo à uma aula
Foto de gota dágua, com imagem da Terra dentro, em uma folha de papel

Objetivos Específicos

task_alt Mobilizar o corpo docente do município quanto às características ambientais, sociais e econômicas de Cajati, e o uso dessas informações no desenvolvimento das aulas;

task_altEnvolver profissionais da educação com questões ambientais que visem o alcance da universalização do saneamento básico, especialmente em ambiente rural;

task_altDifusão da Agenda 2030 e dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, especialmente os ODS’s 4, 6 e 12;

task_altDiagnóstico das práticas curriculares desenvolvidas nas escolas e identificação de pontos de entrada para as dimensões sanitárias e ambientais;

task_altRealização de palestras e cursos de Educação Ambiental para os professores das escolas municipais que aderirem ao Projeto, para a formação de agentes multiplicadores em Educação Ambiental, voltado não apenas para o conhecimento, mas para a ação local;

task_altElaboração de Proposta Construtivista relacionando os Temas Transversais (meio ambiente, saneamento básico, saúde pública, qualidade de vida e dos recursos hídricos) em projetos interdisciplinares para serem desenvolvidos nas escolas utilizando como tema gerador a Água e o Serviço de Recuperação Florestal;

task_altEnvolvimento dos alunos nas escolas e eventos no calendário escolar em geral, para mobilização social e distribuição de material informativo.

CAPACITAÇÃO COM AÇÕES LOCAIS QUE VISAM MUDANÇAS GLOBAIS

Esta mobilização foi criada para educadores, considerando seu papel enquanto multiplicadores dos bons costumes na sociedade, indo de encontro com o grande desafio desse novo milênio: A ALFABETIZAÇÃO AMBIENTAL.

Todas as atividades da Formação Continuada foram baseadas no alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável — ODS’s da ONU, especialmente:

  • ODS 4 – EDUCAÇÃO DE QUALIDADE: “Garantir o acesso à educação inclusiva, de qualidade e equitativa, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos.”
  • ODS 6 – ÁGUA POTÁVEL E SANEAMENTO: “Garantir a disponibilidade e a gestão sustentável da água potável e do saneamento básico para todos.”
  • ODS 12 – CONSUMO E PRODUÇÃO RESPONSÁVEIS: “Garantir padrões de consumo e de produção sustentáveis.”
Agenda 2030

“SOLUÇÕES INTELIGENTES SÃO POSSÍVEIS QUANDO O PLANEJAMENTO LEVA EM CONSIDERAÇÃO AS CARACTERÍSTICAS DOS TERRITÓRIOS. NÃO HÁ NINGUÉM MELHOR DO QUE AS PESSOAS QUE VIVEM EM UM DETERMINADO LOCAL PARA FALAR SOBRE ELE.”

por uma educação (ambiental) de qualidade

Pensar a Educação Ambiental como uma prática que ultrapassa o caráter instrumental de finalidade de mudança comportamental e adentra a concepção de emancipação humana, requer compreendê-la como uma prática social, baseada em uma ontologia que reconhece o ser humano como um ser social (LUKACS, 2018).

É preciso envolver os professores, mobilizar e levar informações que gerem conhecimento prático sobre o território e as questões ambientais, e fazer isso em um município que tem grande parte de seu território em Unidades de Conservação é motivo para afirmar que há uma necessidade de priorizar a homogeneização de práticas ambientalmente corretas no currículo base de educação do município, pois abordagens que remetem realidades distantes tendem a dificultar o entendimento, tanto para docentes quanto para alunos.

Professor, em pé, falando aos alunos, sentados.
Menina abraçando uma árvore

TRANSVERSALIDADE PARA UMA EDUCAÇÃO SEM VULNERABILIDADE AMBIENTAL

Os temas relativos ao Meio Ambiente são responsáveis por transmitir aos estudantes e à coletividade, por meio da educação ambiental e seus processos, os valores sociais, conhecimentos, habilidades, atitudes e competências voltadas à conservação do meio ambiente, bem de uso comum do povo, essencial à sadia qualidade de vida e sua sustentabilidade.

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) também inclui a sustentabilidade entre as competências a serem desenvolvidas pelos estudantes. Segundo a BNCC, os alunos precisam “agir pessoal e coletivamente com autonomia, responsabilidade, flexibilidade, resiliência e determinação, tomando decisões com base em princípios éticos, democráticos, inclusivos, sustentáveis e solidários”.

Além da questão curricular, as temáticas ambientais possibilitam um melhor entendimento quanto às consequências causadas pela falta de uma segurança ambiental, que pode ser potencializada pelas mudanças climáticas, que geram um maior risco a pessoas com baixa escolaridade, renda e nível de informação, dessa maneira, a difusão da Educação Ambiental é também uma medida de mitigação da ignorância pela prática ambientalmente correta de cada indivíduo, assim como a cobrança por seus direitos, expressos, inclusive, de maneira bem clara na Constituição Federal:

“Todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se ao Poder Público e à coletividade o dever de defendê-lo e preservá-lo para as presentes e futuras gerações.”
Artigo 225 | CF 88

RESPOSTAS ALEATÓRIAS DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES RESPONDIDAS PELOS PROFESSORES DE CAJATI/SP

DESCREVA COM SUAS PALAVRAS O QUE É EDUCAÇÃO AMBIENTAL:

“Conhecimento, reflexão e ação sobre o Meio Ambiente.”

“Como preservar o meio em que vivemos.”

“Conscientização sobre os recursos disponíveis.”

“É aquela que compreende os processos por meio dos quais o indivíduo e a coletividade constroem valores sociais, conhecimentos, habilidades, atitudes e competências voltadas para a conservação do meio ambiente, bem de uso comum do povo, essencial à boa qualidade de vida e sua sustentabilidade.”

“É abordar temas dentro da educação que envolvam a conscientização do nosso planeta, ambiente e sociedade.”

“É mostrar para as crianças a importância de cuidar do ambiente.”

“É a educação do futuro. Só existe um futuro se houver um lugar para viver com qualidade.”

“Educação ambiental é um processo educativo que visa promover a conscientização e compreensão das relações entre os seres humanos e o ambiente em que vivem. Ela busca desenvolver conhecimentos, valores, habilidades e atitudes que capacitem as pessoas a tomar decisões responsáveis e sustentáveis em relação ao meio ambiente. Através da educação ambiental, as pessoas são encorajadas a agir de maneira mais consciente e cuidadosa em relação aos recursos naturais, à biodiversidade e aos desafios ambientais que enfrentamos.”

“Estudos, pesquisas de tudo o que envolve o meio ambiente ,estar embasado em teorias que levam a prática .”

“Mostrar aos pequenos estudantes a importância de cuidar e preservar o meio em que vivemos.”

“Processo de conscientização e construção de valores relacionados à conservação do meio ambiente.”

“É o conhecimento e a conscientização de uso responsável do meio ambiente.”

“Formação de valores e atitudes criadas sob o enfoque da sustentabilidade.”

“A educação ambiental é um processo que visa conscientizar e educar as pessoas sobre questões ambientais, incentivando ações responsáveis para proteger o meio ambiente e promover a sustentabilidade. Isso é feito por meio de programas educativos e atividades práticas que abordam tópicos como poluição, reciclagem, conservação da água e biodiversidade.”

“Uma educação voltada a menos impactos ambientais, cuidados com a natureza.”

“Processo de reconhecimento de valores e clarificações de conceitos, objetivando o desenvolvimento das habilidades e modificando as atitudes em relação ao meio.”

“É saber conhecer e preservar o ambiente.”

“Conscientização de como utilizar os recursos naturais.”

“Formar pessoas consciente para preservar o Meio Ambiente e ajudar o Planeta.”

“São processos por meio dos quais o indivíduo e a e a sociedade constroem valores sociais, conhecimentos, habilidades, atitudes e competências voltadas para a conservação do meio ambiente, bem de uso comum do povo, essencial à sadia qualidade de vida e sua sustentabilidade.”

DESCREVA O QUE MAIS GOSTOU NA FORMAÇÃO:

“Saber de novas informações sobre educação ambiental que eu não sabia.”

“Gostei muito de saber sobre os rios da nossa região.”

“A conscientização sobre a necessidade das mudanças de hábitos de cada um para melhorar o desenvolvimento sustentável.”

“Uma das partes que mais apreciei na formação foi o acesso a informações essenciais que me levaram a questionar minha prática atual. Isso me motivou a considerar adaptações relevantes, abordando temas cruciais como a preservação da natureza.”

“A ampliação da nossa visão sobre tudo o que vem acontecendo no planeta e a aplicabilidade no nosso dia a dia como cidadão e profissional.”

“Da agenda 2030 onde as pessoas conscientes lutam para ter um mundo sustentável.”

“Gostei das informações que muitas vezes passam despercebidas no nosso cotidiano, ou achamos que não tem relevância. Hoje quando vejo uma criança quebrar um lápis ou arrancar uma folha do caderno sem necessidade. Paro a aula para lembrar que pequenos cuidados, praticados por todos podem ajudar muito com o meio ambiente.”

“Metodologia aplicada pelo palestrante.”

“A conscientização ambiental e a importância que nós professores podemos fazer com o tema.”

Qual o grau de importância dessa formação em educação ambiental para sua vida?

Você indicaria essa formação a outros professores?

Como você avalia os serviços prestados pela Preservalle nessa formação?

Como você avalia o grau de domínio dos profissionais da Preservalle sobre os temas dessa formação?

“EDUCAÇÃO AMBIENTAL É UMA FERRAMENTA PARA MELHORIA DA QUALIDADE DO ENSINO E DA VIDA DAS PESSOAS.”